Segunda, 20 de Setembro de 2021
31°

Poucas nuvens

Sousa - PB

Política TOMA LÁ, DÁ CÁ

Suspeita de nepotismo cruzado entre Câmara e Prefeitura de Sousa será denunciado ao MPPB

Radamés Estrela nomeou o irmão de Tyrone na Câmara e Tyrone nomeou a irmã de Radamés na prefeitura de Sousa.

30/06/2020 às 09h39 Atualizada em 30/06/2020 às 19h55
Por: Redação Fonte: Leonardo Alves, Da Redação do Debate Paraíba
Compartilhe:
Pratica de nepotismo cruzado será denunciado ao MPPB. (Foto: Reprodução).
Pratica de nepotismo cruzado será denunciado ao MPPB. (Foto: Reprodução).

Membros da oposição de Sousa estão preparando um denuncia de suspeita de nepotismo cruzado, no qual uma autoridade contrata parentes de outra autoridade, entre a prefeitura e a Câmara de vereadores de Sousa, no sertão paraibano. A notícia de fato que será feita ao Ministério Público da Paraíba, está sendo motivado pelas nomeações de Rosangela Maria Marques Estrela conhecida por 'Rosinha da Lagoa', irmã do presidente do legislativo municipal, Radamés Genesis Marques Estrela (PDT), como Coordenadora Administrativa do SAMU da prefeitura de Sousa, e de Abel Sales de Sousa, irmão do prefeito Fábio Tyrone Braga de Oliveira (Cidadania), como Chefe de Gabinete da Câmara.

Os dois cargos são comissionados e, conforme os portais da transparência da prefeitura e da Câmara, a remuneração de Rosinha da Lagoa é de R$ 2.700,00 (Dois mil e setecentos reais), enquanto o de Abel Sales é de R$ 2.093,12 (Dois mil noventa e três reais e doze centavos).

Para os oposicionistas, o que reforça o ato de improbidade com a prática de nepotismo entre Câmara e prefeitura é o fato do presidente da Câmara Radamés Estrela ser da base de sustentação do prefeito e um forte aliado político de longas datas. Fábio Tyrone, inclusive, já chegou se licenciar do cargo de prefeito para Radamés assumir o comando da prefeitura pelo período de 15 dias.

A denúncia de supostos atos de nepotismo deverá ser feita a 4ª Promotoria de Justiça de Sousa, e investigada pelo promotor de Justiça Hamilton de Souza Neves Filho. 

Outro agravante em relação ao fato que também será noticiado na denúncia é possível desvio de função nos serviços prestados por Rosinha da Lagoa. Os denunciantes tiveram a informação que ela apesar de exercer um cargo comissionado no SAMU, vem prestando serviços na Otoclinica de Sousa.

Fábio Tyrone já foi denunciado por pratica de nepotismo

O Ministério Público da Paraíba (MPPB) ajuizou uma ação civil pública de improbidade administrativa contra o prefeito do município de Sousa, Fábio Tyrone, por prática de nepotismo. O gestor foi denunciado por ter contratado a própria madrasta, Lenilda Nunes da Silva, para assumir o cargo em comissão de diretora financeira, com lotação na Secretaria Municipal de Esportes e Lazer. Ela exerceu o cargo de janeiro a novembro de 2017, quando foi exonerada. 

A referida ação Civil Pública (nº 0801510-14.2019.8.15.0371) tramita na 5ª Vara Mista da Comarca de  Sousa com última movimentação ocorrida no dia 10/06/2020, as 00:41,  em que foi decorrido prazo para Fabio Tyrone Braga de Oliveira apresentar suas alegações finais no processo.

O que Nepotismo cruzado - é aquele em que o agente público nomeia pessoa ligada a outro agente público, enquanto a segunda autoridade nomeia uma pessoa ligada por vínculos de parentescos ao primeiro agente, como troca de favores, também entendido como designações recíprocas.

Basicamente, o termo nepotismo se refere ao favorecimento de parentes no preenchimento de um cargo em detrimento de pessoas mais qualificadas.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.