Anuncie aqui
SERÁ DESMANTELO?

Num cenário de descaso e abandono, Prefeitura de Sousa inicia ano letivo com escola sem janela, iluminação e entulhos na calçada

O ex-vereador “Toró” denunciou o descaso e abandono da escola do Distrito de Lagoa dos Estrelas, em Sousa.

12/02/2020 19h13Atualizado há 3 dias
Por: Redação
Fonte: Leonardo Alves, Da Redação do Debate Paraíba
204
Após inicio das aulas, escola da comunidade de Lagoa dos Estrelas não foi entregue pela prefeitura de Sousa. (Foto: Reprodução).
Após inicio das aulas, escola da comunidade de Lagoa dos Estrelas não foi entregue pela prefeitura de Sousa. (Foto: Reprodução).

Na manhã desta quarta-feira (12/02), a Secretaria Municipal de Educação do Município Sousa, sertão da Paraíba, deu início ao ano letivo de 2020 com os mesmos problemas que encerrou 2019, a reforma da escolas Maria Estrela de Oliveira, não concluída. 

Hoje, o que poderia ser ter sido motivo de satisfação e felicidade para os pais dos alunos da Escola Municipal Maria Estrela de Oliveira, que fica localizada no distrito da Lagoa dos Estrelas, tornou-se num sentimento de decepção, preocupação e revolta, devido à obra não concluída.   

A situação de não conclusão da obra foi confirmada pela diretora da escola, a professora Fátima Freitas. Segundo ela, os alunos estão estudando em salas de aula com problemas de forro no teto, sem janelas, sem lâmpadas e ar-condicionados instalados. Falta concluir também a cantina, sala da direção, sala dos professores,  além de outros serviços de acabamento e , inclusive, a retirada de entulhos da obras que foram despejados na calçada da Escola.

Leia também: Com emenda de Leonado Gadelha, obra do Terminal Rodoviário de Sousa é um cenário de abandono e descaso; vídeo!

“Nós tivemos que iniciar o ano letivo nestas condições para pressionar a empresa que vem massacrando a gente. A empresa desde o iniciou demonstrou que não tem capacidade para fazer a obra. A prefeitura vem mantendo os pagamentos em dia, terminou a medição paga, só que eles não aceleram a obra que já deveria estar pronta há muito tempo”. Inclusive a empresa já foi notificada duas vezes pela prefeitura, mas a obra não anda." Disse Fátima.

A empresa Secundo e Campos Construções e Serviços LTDA, CNPJ: 29.254.692/0001-86, foi contratada pela prefeitura de Sousa para fazer a reforma e ampliação da Escola Maria Estrela de Oliveira com o prazo de entrega de 180 dias. No entanto, a obra que teve início no dia 28 de janeiro de 2019, orçada em 244.828,56, até a data de hoje ainda não fora concluída. Muito embora, a empresa tenha recebido, em 2019, pelos serviços realizados, o valor R$ 167.965,18.

Diante desta situação, que beira ao desmantelo, os pais dos alunos estão organizando uma comissão para ir ao Ministério Público da comarca de Sousa, denunciar o descaso e encontrar uma solução urgente para o caso.

Para reforçar à denúncia, um vídeo feito pelo o ex-vereador, Everaldo Marques (Toró), circula nas redes sociais denunciando o completo descaso, abandono e falta de compromisso da gestão municipal com a educação. 

Assista ao vídeo!

A diretora também falou a nossa reportagem. Ouça!

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Sousa - PB
Atualizado às 00h30
27°
Poucas nuvens Máxima: 34° - Mínima: 24°
27°

Sensação

7.6 km/h

Vento

46.7%

Umidade

Fonte: Climatempo
Anúncio
Blog do Alyf Santos
Municípios
agencia WA
Últimas notícias
Paraíba de Prêmios
Mais lidas
Matriz lanches
Anúncio