E-mail

contato@debateparaiba.com.br

WhatsApp

83 9-9601-8376

Anuncie aqui
CALVÁRIO

Revista Crusoé traz trechos inéditos da Operação Calvário e compara Coutinho com Sérgio Cabral

E chegou a comparar Coutinho com Sérgio Cabral, ex-governador do Rio de Janeiro, preso por corrupção.

10/01/2020 12h19Atualizado há 2 semanas
Por: Redação
Fonte: Redação com Click PB
Ex-governador Ricardo Coutinho (PSB), responsável pelo esquema criminoso que desviou dinheiro dos cofres da PB. (Foto: Walla Santos)
Ex-governador Ricardo Coutinho (PSB), responsável pelo esquema criminoso que desviou dinheiro dos cofres da PB. (Foto: Walla Santos)

Uma reportagem do jornalista Fábio Serapião, da revista Crusoé, trouxe detalhes sobre a Operação Calvário que desarticulou um esquema de corrupção feito por Ricardo Coutinho, quando era governador da Paraíba. A justiça apura desvio de recursos públicos na ordem de R$ 134,2 milhões. Sendo que mais de R$120 milhões forem usados em campanhas eleitorais de Coutinho nos anos de 2010, 2014 e 2018.  A reportagem traz fatos inéditos sobre o esquema de corrupção. 

O jornalista narra que o esquema estava sendo plantado em outros estados. E chegou a comparar Coutinho com Sérgio Cabral, ex-governador do Rio de Janeiro, preso por corrupção. E ainda, Ricardo foi intitulado como o "Cabral socialista". 

"Assim como a Lava Jato, a Operação Calvário, do Ministério Público da Paraíba, batizou sua sétima fase de Juízo Final. Ao prender o ex-governador Ricardo Coutinho, do PSB, às vésperas do Natal, a investigação descortinou o funcionamento de um esquema azeitado de corrupção que, dizem os investigadores, era comandado pelo socialista e tinha tentáculos que alcançavam o Tribunal de Contas do estado, o Judiciário, o Ministério Público e a Assembleia Legislativa", diz trecho da reportagem

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias